Caminho de Santiago de bike – Etapa 5 – De Belorado a Burgos.

Caminho de Santiago de Bike

Muito ânimo para chegar a Burgos nesse dia!

Amanheceu o quinto dia no Caminho de Santiago, levantamos, tomamos nosso café junto com nossos amigos espanhóis e saímos todos juntos em direção a Burgos. O dia já estava mais frio do que os anteriores. A pedalada foi animada, Tony é um cara muito bem humorado e logo apelidou eu e Ari de “Pepa e Pepe”. Motivo: ele não conseguia lembrar e nem pronunciar nossos nomes e simplificou assim.

Caminho de Santiago de Bike

Faltando 43km para Burgos…

Caminho de Santiago de Bike

Alto da Pedraja.

Caminho de Santiago de Bike

Um lindo “corredor” de árvores…

Caminho de Santiago de Bike

Vencendo uma pequena, mas íngreme subida. PS: aquele peregrino ali de preto, me ajudou a empurrar a bike morro acima… :-)

Neste dia tivemos uma grande subida, chama-se Alto da Pedraja e nós fomos vencendo-a pouco a pouco, junto a muitos peregrinos…Depois da primeira hora pedalando fizemos uma parada para um café, e próximo das 11h um lanche. Sempre juntos.

Caminho de Santiago de Bike

Primeira parada para um café.

Caminho de Santiago de Bike

Segunda parada para um lanche…. Sim, precisamos sempre abastecer!!

Sentimos que éramos uma equipe já, mas conforme íamos nos aproximando, sabíamos que iríamos nos separar.

Caminho de Santiago de Bike

Antes de chegar a Burgos, pedalávamos pelo caminho ao lado de uma rodovia, e logo se aproximou de nós um ciclista que estava a passear por ali. O nome dele: Miguel. Puxou papo conosco e se ofereceu para nos guiar até a catedral, pois disse que conhecia um caminho mais agradável do que aquele que estávamos seguindo. E nós logo o identificamos como mais um daqueles “anjos do caminho”. Miguel é  um querido, nos deixou bem pertinho da catedral, e nos indicou um ótimo local para beber e comer a famosa “ morcilla de Burgos”.

Caminho de Santiago de Bike

Com Miguel, nosso anjo do dia, próximo a Burgos…

Caminho de Santiago de Bike

Chegando no centro de Burgos!

Caminho de Santiago de Bike

Porta de Santa Maria.

Caminho de Santiago de Bike

Porta de Santa Maria

Atravessamos a porta de Santa Maria e meus olhos se encheram de lágrimas ao ver a lindíssima catedral! Emocionante!! Alguns segundos paralisada observando, e então um passeio para admirar tudo em volta. Que demais, que cidade linda!! Carimbamos nossa credencial ali na catedral e seguimos para o bar onde brindaríamos o término de mais uma etapa.

Caminho de Santiago de Bike

A magnífica Catedral!

Caminho de Santiago de Bike

Pinchos com Morcilla de Burgos e pimentão vermelho… Uma delícia!

Caminho de Santiago de Bike

Brindando mais uma etapa vencida!

Nos despedimos dos nossos queridos amigos, afinal Tony também não ficou em Burgos, seguiu pedalando pois pretendia chegar em Santiago dois dias antes de nós. Ficamos tristes em nos separarmos, mas como na vida, cada um precisa seguir seu caminho, e fomos então procurar um albergue para pernoitar na cidade. Primeira opção do guia: lotado. Segunda opção do guia: lotado. Terceira opção do guia: um camping – não dava. Quarta opção do guia:uma casa de Emaús a 1,5km do centro. Como queríamos muito dormir em Burgos, fomos até a Casa de Emaús pra ver se tinha vaga, afinal 1,5km pra quem está de bike não é nada… Chegando lá, a porta estava fechada e uma placa dizia pra tocar a campainha, fomos atendidos por uma freira francesa chamada Marie Noelle, hospitaleira do albergue, falando baixinho e de forma muito gentil ela nos disse que se quiséssemos ficar ali, tinhamos que assistir a missa das 19:30h na igreja e logo após participar da ceia compartilhada que ela mesma prepararia. Depois disso teríamos que nos recolher, pois  fecham as portas às 20h. Aceitamos, e ao entrar foi uma grata surpresa, era praticamente um hotel de luxo! Com 4 quartos bem limpos e equipados com beliches e banheiros impecáveis!! Ela acomodou nós dois sozinhos num quarto, já que naquela noite tinham somente mais um grupo de 3 franceses, 1 moça canadense e 1 rapaz italiano. Apesar de não ter sobrado muito tempo pra passear pela cidade, essa hospedagem foi incrível!! Tomamos nosso banho rapidinho, lavamos as roupas e saímos de bicicleta em direção ao centro de Burgos.

Caminho de Santiago de Bike

Caminho de Santiago de Bike

Muito amor por essas árvores! <3

Caminho de Santiago de Bike

Circulamos um pouco, depois sentamos na Plaza Mayor e ficamos apreciando o que acontecia por ali tomando um bom vinho e beliscando queijo, pão e morcilla de Burgos…

Caminho de Santiago de Bike

Antes das 19:30h estávamos na igreja para a missa e recebemos cada um a benção do padre para continuar nossa jornada. Depois da missa, conforme combinado, Marie nos serviu um jantar delicioso, salada com muito queijo brie e uma sopa de lentilhas. Durante a ceia conversamos bastante, como sempre muitas histórias de cada peregrino com sua dose de emoção e depois  de receber mais uma palavra do Padre, fomos repousar em nossas camas espaçosas e silenciosas!! Zzzzzz….

Continua…

 

Se este foi o primeiro artigo que achou, clique aqui e acompanhe desde o começo os relatos dessa lindíssima viagem pelo Caminho de Santiago de Compostela de bicicleta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *